Josefov
Josefov surgiu com a união das duas comunidades judias que havia em Praga na Idade Média. Depois de anos de discriminação, o Bairro Judeu foi integrado a Praga em 1850.

Josefov (o Bairro Judeu) foi o bairro que se originou quando as duas comunidades judias existentes na Idade Média se uniram gradualmente. No seu início uma estava organizada ao redor da Sinagoga Staronová (Velha-Nova) e a outra na Sinagoga Espanhola.

O nome de Josefov é um tributo dos judeus a José II, governante que começou a integrar os judeus na vida em Praga. Durante os séculos XVI e XVII, e devido às acusações dos cristãos, todos os judeus tinham que usar uma identificação amarela.

O bairro de Josefov se integrou em Praga em 1850. No final do século XIX, as autoridades reformaram totalmente a zona, conservando apenas as sinagogas, o cemitério e a prefeitura.

Visitas mais importantes

  • As seis sinagogas judias: Alta, Espanhola, Klausen, Maisel, Pinkas e Velha-Nova. 
  • Antigo Cemitério Judeu: Uma das imagens mais impactantes de Praga. 
  • Prefeitura do bairro Judeu: Construída no final do século XVI, sofreu várias remodelações, a última delas em 1908. 
  • Mosteiro de Santa Inês: Em seu interior há um pequeno museu ao redor do claustro. 

Transporte

Metrô: Staroměstská, linha A.
Bonde: linhas 17 e 18.